Uma população reduzida e hospitais lotados. Foi disso que falei...

Não foi profecia, foi dedução, irresponsabilidade é a condição necessária para “curtir” o carnaval. Babaca, otário, besta e sei lá mais o quê, é o cara que tem bom senso, pois responsabilidade não combina com carnaval por que não combina com bebida, direção, muito menos com a certeza de estar vivo na quarta-feira.
 A população foi reduzida, mas que a presidenta não ache que tem menos gente para se preocupar, pois enquanto morria muitos, camisinhas estouraram ou nem foram usadas e agora umas menininhas bonitinhas já estão encarregadas de fazer crescer o número de crianças sem pai no país.
Manchete da quarta-feira de cinzas:
Mortes em estradas federais no Carnaval já são 32% maior que em 2010
Balanço da PRF revela que há um acidente a cada dois minutos
A divulgação dos números oficiais acontecerá na quinta-feira (10) pela Polícia Rodoviária Federal (PRF)
O relatório divulgado na manhã desta quarta-feira (9) mostra também que 437 pessoas foram presas por conta de embriaguez durante a operação.


Para as mulheres esse carnaval foi especial, não por que algumas delas saíram sem roupa na avenida, isso é de praxe acontecer, afinal roupa também não combina com carnaval, assim como carnaval parece não combinar com respeito a elas, e o pior é que a mídia escolhe os piores modelos, é triste, mas o homem não se veste de mulher para dançar “a posição da rã” ou o, já falado, “rala theca no chão”, nem são homens que cantam o refrão mais “prostituidor” destes dias: hoje eu durmo lá embaixo na casa dos machos, na casa dos machos, será que dormem? Quem cantaria isso? Uma vaca? Touro é macho...
Enfim, são mulheres sem nenhuma gota de moral, escolhidas a dedo para defender o gênero, aí fica difícil sua filha crescer e não querer ser vista e usada como elas, pois isso “é ser mulher” nos dias de hoje. Pensando em tudo que se cantou sobre, e para elas nesses dias, acho que o 8 de março, dia internacional da mulher e último dia de carnaval no Brasil, não foi tão especial assim.
Mas acabou, o bom do carnaval é que ele só acontece uma vez por ano, agora só em 2012 com novo hit e um público feminino também diferenciado, já que as meninas que não tomaram a pílula do dia seguinte por estarem bêbadas demais para chegar à farmácia mais próxima, estarão ocupadas cuidando de suas lindas crianças recém nascidas e sem pai. Melhor que nem estar vivo, uma realidade para muita gente, culpadas e inocentes.
Carnaval agora só em 2012, se o mundo tiver que a acabar no ano que vem, seria bom que isso acontecesse antes disso... Pensando bem, poderia ser no Carnaval aí todo mundo morreria feliz, bêbados ou usando as camisinhas que o gorverno paga milhões.

Postagens mais visitadas deste blog

O que fazer com 25 reais? Pagar mico...

O cantor Belo provou que sempre dá para ficar melhor (?)

Blog de ouro? Valeu CAIO GOMES...