sexta-feira, 11 de março de 2011

Barack Obama sofreu bullying, quem não sabia?

Mais um papo social, serviço de utilidade pública em meio a tanta inutilidade.
Em discurso na tarde de quinta-feira (10), o homem mais poderoso do mundo disse ter sofrido bullying e virou umas das notícias mais comentadas do dia, confesso que não entendi o espanto, o cara é negro, e você já viu em algum lugar do mundo enojadamente “civilizado”, industrializado, e talvez por isso, emburrecidamente preconceituoso, um negro não ser alvo de piadinha de mau gosto? Ah... Esqueci que o mundo também precisa ser ridiculamente hipócrita para eleger as orelhas de abano e o nome diferente como os motivos de piadas quando na verdade queriam chamá-lo de negro, e isso, para os babacas da escola, já seria suficientemente engraçado, idiota rir de qualquer coisa mesmo. A galera foi hipócrita o bastate para mascarar o preconceito racial, o que é comum acontecer, e o esconderam usando uma máscara tão criminosa quanto o racismo emcubado.
FONTE: R7
Quer uma cena que ilustra bem isso? Em um dos episódios de “Todo mundo odeia o Chris”, ele mostra como um negro é visto por essa sociedade, na cena uma pessoa definia a pessoa negra, falando uma série de coisas como o que vestia, alguns sinais etc., quando o narrador fala a maior verdade da série “tudo que ele queria dizer era: Ele era negro, vestia negro, tinha também um pouco de negro por aqui...”.
Com o Obama e qualquer outro negro em qualquer lugar do mundo não seria, nem é diferente, afinal ele tinha “orelhas negras, nome negro, vestia negro e tinha um pouco de negro por aqui...”, essa era a graça da piada, eu sou um pouco mais esperto para entender que não tem graça alguma, precisa ser muito burro para achar isso engraçado.
E não estou aqui condenando somente o preconceito racial, essa história de bullying, seja ele com quem for, é uma das coisas mais nojentas do ser humano, na verdade quem faz isso esqueceu que é gente há tempos. São “coisas”, por que nem um cavalo se comporta como os tais.

Enquanto isso no Ocioso...