domingo, 1 de agosto de 2010

Coisa de americano / e de brasileiro...

O ANÔNIMO NÃO ME CONVENCEU
Conheça-o nos comentários deste post...

ATENÇÂO: O conteúdo vinculado neste post é de inteira irresponsabilidade de seu idealizador, ou seja ele pensou assim e postou, se quiser acreditar fica a vontade, se não inventa um versão para você também. 

Americano é besta mesmo, viu!?!
Sabem por que o Orkut não fez sucesso entre eles? Simplesmente por que fez sucesso entre os brasileiros. Galera ridícula essa, não acha? Querer exclusividade na “rede mundial de computadores” é um tanto quanto idiota.

Bem, tendo gostado da idéia do Orkut e percebendo que o site estava tomado de brasileiros “intelectuais” (um click pra entender), eles resolveram criar algo que seria só deles, daí surgiu o facebook. Deu certo? Não... Eu (brasileiro) tenho um perfil nessa rede de relacionamento, que é bem besta, mas no mínimo metade da galera que tem Orkut também tem FaceBooK.

Uma tentativa frustrada, porém eles não desistem e nasce o twitter que nem versão em português tem, na tentativa de não ter brasileiros infiltrados nessa. Dessa vez deu certo? Também Nãaaaaoooo... Só eu tenho três contas, duas que esqueci a senha outra (@wilson_jws) que vou acabar esquecendo mais cedo ou mais tarde. O fato é que eles até reinaram absoluto no inicio do Twitter, mas logo o microblog caiu no gosto dos brasileiros e é lei todo artista ter o seu, até por que se ele não fizer alguém vai fazer e criar confusão em seu nome com um perfil fake, já que a única coisa que te identifica é uma foto minúscula e o nome que você inventar. Você pode ser a Sandy, a Lady Gaga até Deus (@Ocriador) basta procurar uma foto no Google e já é...
Outro fato que já deve irritar bastante os americanos é que tudo no Brasil vira Trending Topic Mundial (que é uma espécie de ranking dos assuntos mais comentados na rede), já rolou Rodrigo Faro, Separação de Edson e Cláudia, a homossexualidade da banda Restart ( por mais que eles nunca tenham assumido) e campanhas imbecis com o CALA BOCA GALVÃO, essa eu achei muito louca, realmente não entendi, a galera não se tocou que só o sensacionalismo do Galvão para fazer a gente sentir a 7orra de uma emoção sem fundamento nessa copa, pois todo mundo, até o polvo Paul, sabia que a seleção do Dunga era uma 3erda?
Para americanos toscos que se interessaram em saber o que era o CALA A BOCA GALVÃO, brasileiros desocupados, que usam o Twitter 24 horas por dia até pra dizer que estão indo ao banheiro, responderam que era uma nova música da Lady Gaga, outros que Galvão era uma ave raríssima ameaçada de extinção e que o “CALA BOCA” era um pedido de socorro(ajuda) em favor da ave, cada "cala boca galvão" enviado pelo Twitter valeria US$ 0,10 para a Galvao Bird's Foundation. Houve quem perguntou se era uma novo projeto do Green Peace.

Na boa!?! O que realmente está ameaçado de extinção é gente que usa a internet para estudar ou trabalhar. Eu sou prova disso, um excelente exemplo de ocupado que se desocupa pra perder tempo em frente a um computador com uma capacidade incrível de produzir coisa boa, mas que prefere escrever bobagem... E bobagens recheadas de erros de português por não dar tempo de pesquisar na internet algo sobre esse novo acordo ortográfico que já se tornou obrigatório. (A obrigatoriedade no uso das novas regras em 2010 limeta-se a livros didáticos,  aquiles que você vai ter que ler se quiser aprender português, agora do jeito novo )

Muito feliz... Um anõnimo me fez perceber que alguém lê meu blog
Vai fundo cara esculacha...

Enquanto isso no Ocioso...